Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

OTACÍLIO, ex-atacante do Clube Recreativo de Sertaneja.

 

Otacílio Dias de Souza, nasceu no dia 19/09/1936, na cidade de Cândido Mota no Estado de São Paulo e foi atacante do Clube Recreativo de Sertaneja, time que disputou o Campeonato Paranaense profissional nos anos de 1962 e 1963 pela Região do Norte Velho.

Otacílio com a camisa do Clube Recreativo de Sertaneja.

Iniciou sua Carreira em Sertaneja no time da Água do Almeida, mais ou menos em 1950, depois jogou no time da Água do Horácio, esse time era muito forte tendo jogado contra times fortes da região e também do Estado de São Paulo, como o Ferroviário de Assis que veio em Sertaneja e foi derrotado naquela ocasião.

Aqui Otacílio com a camisa do time da Água do Almeida.

Aqui o time da Água do Almeida, e Otacílio é o terceiro agachado da esquerda para a direita.

1955: Em pé= Nelson Borges, J.N.I., Joaquim Caetano, J.N.I., J.N.I., Francisco Boaro e João Sônego (dono do time, o Capitão);

Agachados: J.N.I., Luis Boaro, Otacílio, J.N.I., J.N.I.

*J.N.I.= jogador não identificado

Foto: arquivo pessoal de Otacílio cedido gentilmente para nosso arquivo por sua esposa Tereza.


Jogou também depois no time XV de Novembro, na Associação Atlética Juventus, no Juventus e depois no Clube Recreativo de Sertaneja.

Aqui vemos Teixeira, Otacílio, Benício e Fabreti.

E agachados 2 mascotinhos não identificados.

Foto: arquivo pessoal de Otacílio cedido gentilmente para nosso arquivo por sua esposa Tereza.


Foram Campeões amadores pelo Juventus contra o time de Leópolis, e também pelo Clube Recreativo como aparece na foto de 1960 com a faixa de Campeões. Foram Campeões também na região do Norte do Paraná, jogando a final contra o São Paulo de Londrina.

Aqui Otacílio com a faixa de Campeão Regional pelo Recreativo.

Pelo Recreativo houve um jogo contra o Olaria do Rio ocorrido em Sertaneja, que foi um jogo duro e o Olaria venceu por 2 X 1.

O José Olegário que era Presidente do Clube Recreativo de Sertaneja, foi quem descobriu o Otacílio jogando no time da Água do Horácio e o levou para a cidade jogar no Recreativo, e também conseguiu emprego para Otacílio trabalhar no Banco.

Este é o time da Água do Horácio, porém Otacílio ainda não jogava neste ano, somente o amigo Totó que jogava no gol, era no ano de 1949.

Otacílio era um ótimo atacante, goleador que fazia gols de todos os jeitos como de bicicleta, de calcanhar, pênaltys, como contam seus amigos e sua esposa Tereza, que me recebeu em sua casa em Londrina para me contar a história dele e me passou as fotos do Otacílio.

Aqui Otacílio fazendo 1 gol em uma cobrança de pênalty.

Foto: arquivo pessoal de Otacílio cedido gentilmente para nosso arquivo por sua esposa Tereza.

Seus amigos contam que o Otacílio era o melhor do time.

Aqui Otacílio fazendo manobra com a bola em sua cabeça.

Foto: arquivo pessoal de Otacílio cedido gentilmente para nosso arquivo por sua esposa Tereza.

O Otacílio recebeu uma proposta do São Paulo Futebol Clube da capital paulista, mas não aproveitou a oportunidade por motivos pessoais e familiares, e também porque o Clube Recreativo de Sertaneja iria no próximo ano jogar no profissional do Campeonato Paranaense.

Recreativo de Sertaneja de 1963:

Em pé=J.N.I., Maurinho, J.N.I., J.N.I., Walter, Teixeira e Caibar (goleiro);

Agachados=Otacílio, Luizinho, J.N.I., Amaral, J.N.I., J.N.I.

Foto: arquivo pessoal de Otacílio cedido gentilmente para nosso arquivo por sua esposa Tereza.

O Recreativo disputou o Campeonato Paranaense da Série Norte Velho nos anos de 1962 e 1963, contra os times: Cambaraense, Santa Mariana, Esportiva de Jacarezinho.

Não conseguiu ser campeão deste grupo nos 2 anos, e então não passou para as finais do Paranaense, mas disputaram grandes jogos, e não passavam vergonha com times de tradição que ora outra vinham jogar contra o Recreativo.

Aqui Teixeira e Otacílio no Recreativo de Sertaneja.

Foto: arquivo pessoal de Otacílio cedido gentilmente para nosso arquivo por sua esposa Tereza.

Aqui Sesinando(?), Otacílio e Mazuca em um jogo relembrando o Recreativo dos amigos Veteranos.

Foto: arquivo pessoal de Otacílio cedido gentilmente para nosso arquivo por sua esposa Tereza.

Além do Olaria do Rio, vieram jogar contra eles a Ferroviária de Assis, o XV de Jaú, o Londrina, o Comercial de Cornélio Procópio, e os times já citados da chave do Norte Velho, em que na Cambaraense jogava o Tião Abatiá.

Aqui em 2 fotos do casamento de Otacílio e Tereza.

 

Foto: arquivo pessoal de Otacílio cedido gentilmente para nosso arquivo por sua esposa Tereza.

Otacílio então depois de servir o exército, continuou a jogar futebol e a trabalhar no Banco, e quando foi transferido para Florianópolis, ele foi assassinado por uma quadrilha que o raptou na saída do Banco que queriam a senha do cofre, e foi morto e jogado no mar.

Aqui aparecem Otacílio que fazia os gols e Totó que defendia o gol do Recreativo de Sertaneja.

Faleceu no dia 01/05/1977 em Florianópolis, e sua esposa e filhas guardam suas lembranças do tempo em que ele jogava no Recreativo, lembrando que naquela época a cidade de Sertaneja tinha muita gente, cerca de 29.000 habitantes, como conta o Sr. José Olegário, e lotava o Estádio nos dias de jogos.

Otacílio deixou saudades aos amigos do futebol de Sertaneja como: José Olegário (Presidente na época do Clube Recreativo de Sertaneja e Prefeito da cidade), Mazuca, Eliud, Maurinho, Simão, Maia, Toninho Franjinha, Walter, Pedro Taketune, Lauro Soldado, Teixeira, Luis, e muitos outros que estão pelo Brasil afora e também outros que já faleceram, como recentemente o amigo e goleiro Totó.

Meu amigo Otacílio, apesar de não ter te conhecido em vida, quero deixar esta homenagem para você e sua família pela amizade que fizemos, e as fotos que Dona Tereza me emprestou de sua carreira vão estar no nosso arquivo e na sua ficha para que todos possam ver e lembrar dos tempos áureos do futebol de nossa querida terra Sertaneja.

Aqui vemos uma das fotos do Recreativo no Campeonato Paranaense de 1962, em que aparecem: Luiz Fabreti, Maurinho, Walter, Sargento Laurindo, Lauro Soldado, Teixeira e Totó.

Agachados: Mazuquinha, Luizinho, Amaral, Otacílio, Simão e Tenente Nelson.

Aqui uma das últimas fotos de Otacílio

 

E abaixo a esposa Tereza, Kely, uma de suas filhas e o neto João Antônio com o álbum de fotos de Otacílio com as memórias do futebol de Sertaneja.

 

Obrigado Dona Tereza!!

 

 

 

 

 

Publicado por: Murilo Dieguez

 banner5

Fonte de Pesquisa:

Fotos do arquivo de Otacílio

acervo www.historiadordofutebol.com.br

 

 

 

 

 

 

 

"Otacílio você faz parte da história do futebol, e eu Marcelo Dieguez, O Historiador, não vou deixar sua história ser esquecida".