Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

adalbertonoflamengo1959a

 

 

 

ADALBERTO, ex-Flamengo-RJ, Siderúrgica-MG, Botafogo-SP, Corínthians-SP, Rio Branco-PR

 

adalbertonoflamengo1959

 

Antonio Adalberto de Souza, o Adalberto nasceu no dia 08 de julho de 1937 na cidade de Recife no Estado de Pernambuco.

 

Jogava na posição de atacante.

 

Jogou no Flamengo 06/06/1957 em seu primeiro jogo.

 

Abaixo o Flamengo em 1959, onde Adalberto aparece agachado, o segundo da esquerda para a direita.

flamengo1959c

 

 

Abaixo o Flamengo em 1962, onde Adalberto não aparece na foto, mas entrou no jogo no decorrer da partida.

flamengo1962b

 

Até 24/06/1962 em seu último jogo.

 

Marcou 6 gols pelo Flamengo.

 

Foram 33 jogos, sendo 19 vitórias, 5 empates e 9 derrotas.

 SIDERÚRGICA-MG

Jogou no Siderúrgica de 1960 a 1961

FLAMENGO

Voltou ao Flamengo em 1962, onde seu último jogo foi no dia 24/06/1962

 

Botafogo de Ribeirão Preto

adalbertonobotafogoderibeiraopreto1963d

 

Jogou no Botafogo(SP) de 1962 a 1965

 

E já em seu primeiro jogo Adalberto marca 2 gols pelo Botafogo de Ribeirão Preto

CAMPEONATO PAULISTA 1962 - II TURNO

 
SEGUNDO TURNO
10/10/1962
PRIMEIRO JOGO E 2 PRIMEIROS GOLS
BOTAFOGO 4 x JUVENTUS 1
Local: Estádio "Luiz Pereira", em Ribeirão Preto.
Botafogo: Machado; Egidio, Veríssimo e Jorge; Flavio e Tiri; Zuino, Alex, Nair, Adalberto e Gelson.
Juventus: Moraes; Diógenes, Poças e Da Silva; Clóvis e Paulo; Nelsinho, Pinga, Joaquinzinho, Jair Francisco e Valter Prado.
Gols: Adalberto (12-1), Adalberto (23-1), Jorge (contra 40-1), Nair (13-2) e Poças (contra, 40-2). Árbitro: Romualdo Arppi Filho.
Renda: Cr$ 155.850,00
QUARTO JOGO E MAIS UM GOL

 24/10/1962

BOTAFOGO 4 x NOROESTE 2
Local: Estádio "Luiz Pereira", em Ribeirão Preto
Botafogo: Machado; Egidio, Veríssimo e Tiri; Nair e Jorge; Zuino, Alex, Baiano, Adalberto e Rezende
Noroeste: Navarro; Fioti, Getulio e Bassu; Helio e Miguel; Batista, Toninho, Daniel, Celso e Bececê.
Gols: Toninho (15-1), Baiano (32-1), Adalberto (pênalti, 42-1), Baiano (12-2), Getulio (contra, 16-2) e Toninho (25-2).
Árbitro: Manuel Ramos.
Renda: Cr$ 183.050,00
QUARTO GOL
29/11/1962
JABAQUARA 2 x BOTAFOGO 1
Local: Estádio "Urbano Caldeira", na Vila Belmiro.
Jabaquara: Dudizio; Sula, Del Pozzo e Rubens Sales; Carlão e Macedo; Marcos, Nelsinho, Cabrita, Liminha e Alcides.
Botafogo: Machado; Egidio, Tarciso e Tiri; Jorge e Veríssimo; Zuino, Alex, Antoninho, Nair e Adalberto.
Gols: Rubens Salas (10-1), Adalberto (39-2) e Cabrita (43-2)
Árbitro: Edgard Voi.
Renda: Cr$ 160.600,00
QUINTO GOL
2/12/1962
COMERCIAL 4 x BOTAFOGO 2
Local: Estádio ''Antonio Costa Coelho", em Ribeirão Preto.
Comercial: Rui; Antoninho, Japônes e Roberto; Hugo e Peter; Paulinho, Ditinho, Luis, Edson e Célio.
Botafogo: Machado; Ditinho, Tarciso e Tiri; Jorge e Veríssimo; Zuino, Alex, Antoninho, Nair e Adalberto.
Gols: Luis (10-1), Antoninho (18-1), Hugo (23-1), Célio (pênalti, 25-1), Luis (18-2) e Adalberto (35-2).
Árbitro: Olten Aires de Abreu.
Renda: Cr$ 1.363.600,00

Nota: Desde que subiu para a Divisão Especial, essa foi a primeira vez que a Comercial venceu 0 "Come-Fogo", tradicional clássico da cidade.
SEXTO GOL
5/12/1962
BOTAFOGO 6 x XV DE NOVEMBRO 1
Local: Estádio "Luiz Pereira", em Ribeirão Preto.
Botafogo: Machado; Ditinho, Tarciso e Tiri; Jorge e Veríssimo; Zuino, Alex, Antoninho, Nair e Adalberto.
XV de Novembro: Orlando; Orlando Maia, Ditão e Cardinalli; Fernando Satiro e Dorival; Osvaldinho, Nilo, Ubiraci, Maneca e Valdir.
Gols: Alex (2), Jorge, Zuino, Adalberto, Antoninho e Maneca.
Árbitro: Eunápio de Queiroz.
Renda: Cr$ 214.800,00
SÉTIMO GOL
8/12/1962
BOTAFOGO 5 x PORTUGUESA DE DESPORTOS 0
Local: Estádio "Luiz Pereira", em Ribeirão Preto.
Botafogo: Pompéia; Ditinho, Tarciso e Flavio; Jorge e Veríssimo; Zuino, Alex, Antoninho, Nair e Adalberto.
Portuguesa: Felix; Hermínio, Ditão e Alberto; Pampolini e Vilela; Neivaldo, Ocimar, Moraes, Servilio e Mario.
Gols: Antoninho (7-1), Adalberto (8-2), Antoninho (26-2), Zuino (36-2) e Alberto (contra, 38-2)
Árbitro: Anacleto Pietrobom.
Renda: Cr$ 420.200,00 (2.699 pagantes)

Abaixo o Botafogo de Ribeirão Preto em 1963, onde Adalberto aparece agachado, sendo o segundo da direita para a esquerda.

O Botafogo de Ribeirão Preto. Em pé: Expedito, Veríssimo, Ditinho Berguinho, Carlucci e Maciel. Agachados: Zuíno, Alex, Capelozza, Adalberto e Rubinho.

adalbertonobotafogoderibeiraopreto1963a

 

 

 

 adalbertonobotafogoderibeiraopreto1963b

Abaixo o Botafogo de Ribeirão Preto em 1964, onde Adalberto aparece agachado, sendo o segundo da direita para a esquerda.

adalbertonobotafogoderibeiraopreto1964

 

Neste Botafogo de Ribeirão Preto de 1964, estão em pé: Veríssimo, Expedito e Ditinho, Berguinho, Carlucci e Maciel. Agachados: Zuíno, Alex, Antoninho, Adalberto e Gaze

 adalbertonobotafogoderibeiraopreto1964a

 

 

ESTEVE NO JOGO EM QUE O SANTOS MASSACROU O BOTAFOGO DE RIBEIRÃO PRETO, ONDE PELÉ FEZ 8 GOLS

Santos 11 x 0 Botafogo de Ribeirão Preto, pelo Paulistão de 1964, no dia 21 de novembro na Vila Belmiro. Veja a fica técnica do massacre santista, válido pelo segundo turno do Paulistão daquele ano.

Competição: Campeonato Paulista (21/11/1964)
Local: 
Estádio Vila Belmiro
Narração: 
Ennio Rodrigues
Comentarista: 
Mauro Pinheiro
Reportagem: 
Borghi Junior e Luiz Augusto Maltoni
Gols: 
Santos: Pelé 08, Pepe 01, Coutinho 01 e Toninho Guerreiro 01
Escalação:
 Botafogo/RP: Machado; Ditinho, Hélio Vieira, Tiri e Carlucci; Berguinho e Adalberto; Zuíno, Alex, Antoninho e Gaze
Técnico: 
Oswaldo Brandão
Santos: Gylmar; 
Carlos Alberto, Modesto, Haroldo, Geraldino; Lima e Mengálvio; Toninho Guerreiro, Coutinho, Pelé e Pepe
Técnico: 
Lula

 

CORÍNTHIANS

 

Jogou no Corinthians(SP) em 1965.

 

RIO BRANCO DE PARANAGUÁ-PR

Foi jogar no Rio Branco de Paranaguá em 1966.

 

Abaixo uma foto do Livro da História do Rio Branco de Paranaguá do Escritor e Historiador Heriberto Ivan Machado, onde o Rio Branco de Paranaguá ficou em segundo lugar na classificação geral de 1969.

Foto enviada pelo amigo e Historiador Luiz Fernando Evaristo.

adalbertonoriobrancodeparanagua1969a

 

 

 

 Apelido: ADALBERTO
Nome: Antônio Adalberto de Souza
Posição: VL
Reg. CBF: 9719
Data Nasc.: 08/07/1937
Local Nasc.: Petrolina, PE, BRA
Carreira: Flamengo(RJ) (1957 a 1960), Siderúrgica(MG) (1960 a 1961), Flamengo(RJ) (1962), Botafogo(SP) (1962 a 1965), Corinthians(SP) (1965), Rio Branco(PR) (1966).

 

 

Publicado por: Murilo Dieguez

 banner5

Fonte de Pesquisa:

acervo www.historiadordofutebol.com.br

Livro da História do Rio Branco de Paranaguá,

Historiador Heriberto Ivan Machado,

Historiador Luiz Fernando Evaristo,

terceirotempo.uol.com.br,

anotandofutbol.blogspot.com,

brfut.blogspot.com,

sumulastche.wordpress.com,

www.flaestatistica.com,

 

 

 

adalbertonoflamengo1959

 

 

 

"Adalberto, você faz parte da história do futebol, e eu Marcelo Dieguez, O Historiador não vou deixar sua história ser esquecida".